Barbosinha debate participação do jovem na política com deputados estudantes

Sub-título

10/01/2018 18h19 - Por: Assessoria

A 5ª Edição do Parlamento Jovem Sul-mato-grossense continuou nesta terça-feira (15/12) com três palestras. No período matutino, os jovens deputados e suplentes participaram da palestra do radialista da Assembleia Legislativa, Ricardo Ortiz, que falou sobre oratória. No período da tarde, o deputado estadual Barbosinha (PSB) ministrou a respeito da participação e importância do jovem na política.

"É preciso motivá-los a ingressar na política. Precisamos no meio dessa imensa dificuldade que estamos passando e convivendo, criar nos jovens a motivação, pois não existe outro caminho que não seja pelo processo democrático, das escolhas. Nós queremos transformar alguma coisa no Brasil e no mundo e para isso precisamos trabalhar com os jovens. Eles são as fontes da inspiração e a causa das mudanças, inclusive através de suas perspectivas de vida. Não existe forma de você promover transformação maior do que aquela proporcionada pela boa política", considerou.

Barbosinha conversou com os jovens sobre o cenário político e econômico e explicou a função da Assembleia Legislativa na vida da comunidade. O deputado relembrou sua história de vida e contou como começou seu envolvimento na política. "Em 1988 fui eleito Prefeito de Angélica, com 23 anos de idade. E isso exatamente surgiu de um sonho, que era por meio da política de fazer o bem. Precisamos pensar a política como a arte de fazer o bem", enfatizou Barbosinha. Após a palestra os estudantes fizeram diversos questionamentos acerca da política ao deputado estadual.

Para encerrar as atividades da terça-feira, o servidor Félix Nazario Portela, abordou sobre o funcionamento e funções das Comissões Permanentes da Casa de Leis. "Esse trabalho começa com a distribuição proporcional das tarefas. Ao escolher os membros de uma Comissão, todos os partidos são representados, proporcionalidade garantida pelo Regimento Interno da Assembleia", citou Portela.

O Parlamento Jovem é formado por 26 jovens do ensino médio, de 16 a 19 anos, oriundos de escolas estaduais e particulares. Deste número, 15 são deputados e 11 são suplentes. O Projeto é uma realização da Assembleia Legislativa, por meio da Escola do Legislativo, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação e Tribunal


Parlamento Jovem permite aos estudantes debater o cenário político atual.  Foto: Wagner Guimarães

noticiaswebmaster