Barbosinha pede melhoria da sinalização do trevo do DOF em Dourados

23/05/2019 13h22 - Por: Luciana Bomfim

O deputado Barbosinha (DEM-MS) solicitou estudos de tráfego e a destinação de recursos para o reordenamento e semaforização da rotatória localizada no cruzamento entre a Rodovia MS-156 e a BR-163, em Dourados. O local é mais conhecido pela população do município como trevo do DOF (Departamento de Operações de Fronteira).

De acordo com o documento apresentado pelo deputado Barbosinha em sessão da Assembleia Legislativa a rotatória faz a intersecção de vias que são de responsabilidade do Estado, do município de Dourados e da União, além da empresa CCR MSVia que possui a concessão da BR-163.

"As atuais condições de trafegabilidade são calamitosas. Nos horários de maior fluxo os veículos demoram muito tempo para fazer a intersecção desejada, formando imensos congestionamentos, em todos os sentidos. Este cenário ainda é agravado pelo fato de que em meio a este caos urbano, os pedestres ainda precisam se aventurar entre os veículos para fazer a travessia das vias", explica o deputado Barbosinha.

Segundo documento em que consta o pedido: no sentido Dourados-Campo Grande, a rua Coronel Ponciano tem seu fim e após o cruzamento da rotatória inicia a Rodovia MS-156. Já a via que cruza no sentido Ponta Porã-São Paulo, trata-se de uma Rodovia federal (BR- 163) e é administrada pela empresa CCR MSVia, detentora da concessão deste trecho.

O trevo do DOF é o principal acesso para os bairros Jardim Esplanada, Dioclécio Artuzi I e II, Harrison de Figueiredo, Guaicurus, Greenville I e II, Ildefonso Pedroso e ao Distrito Industrial, tendo aproximadamente 15 mil pessoas residindo nesta região.

A falta de sinalização adequada tem ocasionado, diariamente, inúmeros acidentes, inclusive com vítimas fatais. O deputado ainda apresentou anexa a indicação notícias que comprovam os trágicos acidentes na via.

"Está claramente demonstrada a urgência para que sejam realizadas as adequações de sinalização e reordenamento nesta rotatória, sob pena de que mais vidas sejam perdidas", alega o parlamentar.

O deputado Barbosinha ainda aponta uma saída para a problemática enfrentada pela população que diariamente faz o trajeto. "A solução ideal para o ordenamento do trânsito neste trecho seria a construção de um viaduto, com estrutura para a travessia dos pedestres. Entretanto, devido ao elevado custo desta obra, aliado ao atual momento econômico do Brasil, a solução momentânea consiste no reordenamento e semaforização da rotatória", disse Barbosinha.

A solicitação da indicação foi feita pelos vereadores Madson Valente e Lia Nogueira e encaminhada ao governador Reinaldo Azambuja, com cópia para o secretário de Estado de Infraestrutura, Murilo Zauith; diretor-presidente da AGESUL (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), Luis Roberto Martins de Araújo; para a prefeita Municipal de Dourados, Délia Razuk; ao diretor-presidente da AGETRAN (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) de Dourados, Carlos Fábio Selhorst; e para o diretor-presidente da CCR MSVia, Roberto de Barros Calixto.


Foto: Luciana Nassar

webmasterDourados