Barbosinha e Amarildo repudiam divulgação desabonadora de Corumbá

Sub-título

10/01/2018 18h37 - Por: Assessoria

Os deputados José Carlos Barbosinha (PSB) e Amarildo Cruz (PT) criticaram a citação da cidade de Corumbá como rota do crime organizado, durante capítulo da novela A Regra do Jogo, da Rede Globo, veiculado no último sábado (27/2), em horário nobre. Segundo o deputado Barbosinha, que falou sobre o assunto durante a sessão plenária desta terça-feira (1/3), a fala da personagem Atena (Giovanna Antonelli) deprecia o município e os corumbaenses.

"Sabemos que a personagem é inspirada na estelionatária Kelly Santana, que nem mesmo é de Corumbá, mas, ao dizer que ‘conheço essa gente’ e que ‘é possível negociar’, referindo-se a uma operação do tráfico de armas e à corrupção policial, temos uma citação desairosa, passível de ação indenizatória por parte da Prefeitura de Corumbá", disse o deputado.

Durante a cena citada, Atena, Gibson (José de Abreu) e a secretária de Gibson combinam a entrega de carregamento de armas e Atena sugere que seja por via terrestre, passando por Corumbá. Informada de que a área é monitorada pela polícia, ela diz que "dá para fazer um acordo com essa gente".

Barbosinha reiterou que o município "é castigado" devido à localização geográfica, na fronteira com a Bolívia, mas que o assunto merece discussão mais ampla, envolvendo todas as forças policiais, a exemplo do que acontece em outras regiões de fronteira em todo o Brasil. "Corumbá deveria ser lembrada pelas belezas naturais, pujança da sua gente e por tantas outras qualidades", finalizou.

Em aparte, Amarildo Cruz qualificou o episódio como "desserviço" à população. "A Rede Globo e setores da grande mídia, com grande influência, não podem deturpar valores e propagar essas mentiras, que trazem consequências devastadoras para a autoestima da população", disse. Ele defendeu a discussão de regras e o reordenamento jurídico para regular determinadas veiculações. "Podemos até ter investimentos em educação, o que deve ser a nossa prioridade, mas por outro lado temos esse tipo de boicote e de inversão de valores, que não contribuem em nada", completou.


Para Barbosinha e Amarildo, citação depreciou cidade e corumbaenses. Foto: Victor Chileno

noticiaswebmasterCorumbá